On the verge | BLOG VERMELHO : Sport Club Internacional

On the verge

0
(0)

Foto de capa: http://descomplicandocarreiras.com.br/artigo/Que-vontade-de-chutar-o-balde

Bom dia, coloradas e colorados.

Estou me puxando aqui para escrever alguma coisa, pois se depender do meu ânimo… Me lembro que noutros anos houve momentos em que falei que iria cancelar minha carteira de sócio, que largaria o Inter de lado, entre outros protestos. Obviamente, até hoje não o fiz e isso poderia ser um sinal de que nunca o faria. Um sinal de que a paixão, enfim, sobrepuja minha racionalidade.

Mas será?

Um aspecto que percebo nestes desânimos cíclicos é que eles se aprofundam e se tornam mais complexos e abrangentes a cada novo ciclo. Não é apenas pelos maus resultados do time ou por mais um ano em parece que vai, mas só que não. Não é apenas pelas contratações estranhas, pelas apostas de alto risco em jogadores caros e que não dão retorno. Pelas intermináveis mudanças de técnico fruto de uma absoluta incapacidade de pensar, planejar e executar. Não é por nenhuma destas coisas, especificamente, mas por todas elas juntas.

Mas tem mais.

É também por olhar “em volta” e ver o futebol brasileiro em estado terminal. Por ver que a única melhoria possível daqui pra frente será ter MSI e Flamengo como o Real e o Barcelona tupinikins, isso SE estes clubes forem capazes de romper a barreira dessa incompetência e corrupção doentia que assola o país e, claro, o futebol. Mas, aí, supondo que isso ocorra, que perspectiva se apresenta para os demais clubes e seus torcedores? Será que eu teria alguma alegria em acompanhar um time mal organizado, jogando campeonatos de várzea (todos eles) dominados por estes dois clubes? Será que terei ânimo em seguir acompanhando um esporte cujos interesses estão submetidos aos interesses da RGT e aos interesses obscuros da CBF/FIFA? Um clube cujos interesses estão submetidos aos interesses de empresários, investidores e dirigentes?

Devo estar ficando velho mesmo.

Pois não consigo mais ver o futebol ingenuamente. Não consigo abstrair de todas essas questões ao pagar minha mensalidade, ao ir ao estádio, ao ligar a TV, ao escrever aqui. E como um câncer, tudo isso está destruindo meu interesse pelo futebol e pelo Inter. Ainda não sei se este é, enfim, meu ciclo final de desânimo. Temo que sim, mas só o tempo dirá. E se for, chegará o dia em que farei meu último post aqui, agradecendo sinceramente ao Louis, aos meus colegas colunistas e a vocês, leitores, por todos estes anos aqui no BV.

A única forma disso não ocorrer, começaria pelo Inter elegendo gente comprometida com uma atuação absolutamente diferente, com objetivos mais nobres, com transparência, com amor ao clube e principalmente ao futebol. Um clube capaz de erguer sua voz contra a CBF, a Globo. Capaz de romper com os laços espúrios que nos mantém de rabo preso e cativos dessa corja. Isso viria, no curto prazo, ao custo de títulos, perseguição, talvez até segunda divisão consequente de manipulação.

É claro que isso não vai acontecer.

Até porque imagino que a maior parte da torcida não iria querer, prisioneira que é do status quo. Basta um título e tudo está perdoado. Não sei quanto a cada um de vocês mas, contrário a esta visão como sou, é apenas uma questão de tempo até eu chutar o balde de vez.

Um abraço e um bom fim de semana a todos!

How useful was this post?

Click on a star to rate it!

As you found this post useful...

Follow us on social media!

Author: Pablo Faria

Mais um torcedor colorado, mas goiano. Além disso, linguista como profissão e músico/cantor nas horas vagas.

Share This Post On