De volta do futuro | BLOG VERMELHO : Sport Club Internacional

De volta do futuro

0
(0)

Boa tarde, amig@s colorad@s.

Há um bom tempo que não escrevo aqui, embora tenha dado as caras aqui ou ali nos comentários, mas ainda discretamente. Não que esse tempo tenha feito muita diferença no que diz respeito à situação do Inter, mas isso é algo a comemorar, por certo!

Mas, vamos devagar. Se como diz o Louis com sua “teoria dos 20”, o Brasil está (pelo menos) 20 anos atrás dos EUA em vários aspectos, posso dizer que voltei “do futuro”, já que estou de volta ao país, após o término de meu estágio em Filadélfia, no fim de setembro. Tempo bom, muito bom mesmo, em todos os sentidos. Mudei como pessoa, fiz maravilhosos amigos, vivi experiências inéditas, conheci diferentes visões de mundo e culturas, amadureci profissionalmente.

Voltando ao Brasil, um choque de realidade: estepe e macaco roubados do meu porta-mala enquanto o carro estava num estacionamento pago (não tenho como provar mas é quase certo que foi lá) e o preço dos produtos no supermercado. É, amig@s… Haja força de vontade para não ficar comparando um lugar com o outro… Mas é preciso, pra não desanimar de vez. É preciso seguir em frente e segurar o rojão, afinal de contas.

Mas, como aqui o que importa é nosso Inter, posso dizer que fico muito contente por ver que o time, se por um lado não evoluiu concretamente para se tornar um time confiável e consistente, pelo menos não caiu como foi a tônica da maior parte dos anos anteriores. De fato, até subimos um pouco ao derrotar o Flamengo no Rio (ô, coisa boa!). O que gosto no Argel é sua simplicidade: ele não tem uma visão sofisticada do futebol e não finge que tem. Apenas faz com dedicação e seriedade o seu feijão com arroz.

E digo uma coisa: já teríamos ganho campeonatos passados, se tivéssemos alguém fazendo BEM o feijão com arroz no Inter. Para esse campeonato ridículo que é o Brasileirão e para a bagunça que é o futebol nacional, não é imperativo um Tite, Marcelo Oliveira ou um Guardiola na casamata. E, claro, é preciso um elenco equilibrado, algo que temos atualmente, em minha opinião.

O que esperar para o fim do ano? Bem, acho que todos já sabemos que nossa única expectativa deve se limitar ao “próximo jogo”, assim como Argel faz com o time. O Inter não é confiável, então vamos jogo a jogo. Quem sabe, com um pouco de sorte e com muito trabalho e seriedade, não cheguemos ao GreNal com a chance de tomarmos a posição do Grêmio no G4? Embora o que me importe seja o Inter, seria uma cereja no bolo se de quebra isso ocorresse! 🙂

Mas, isso nunca será possível se não vencermos o Joinville.

Veremos! Saudações coloradas!!

How useful was this post?

Click on a star to rate it!

As you found this post useful...

Follow us on social media!

Author: Pablo Faria

Mais um torcedor colorado, mas goiano. Além disso, linguista como profissão e músico/cantor nas horas vagas.

Share This Post On