Tudo vai ser diferente | BLOG VERMELHO : Sport Club Internacional

Tudo vai ser diferente

Em anos anteriores o Inter sempre desperdiçou suas chances de assumir a ponta do campeonato brasileiro, e diversas vezes contra adversários mais fracos.

Esse ano parece que tudo vai ser diferente.

Sim, nas derrapadas dos líderes, o Inter conseguiu vitórias, e contra adversários de respeito, principalmente contra o Flamengo, e conseguimos manter a liderança em jogos difíceis.

Hoje o jogo é essencial. Não apenas para manter a liderança, mas também para nos isolarmos um pouco, abrir uma diferença confortável, por mais odiosa que seja essa palavra para o Inter, ultimamente. A vitória hoje nos ajudará a considerar um empate, lá na frente, um resultado aceitável, e isso é muito importante.

Além disso, precisamos exorcizar a Chape. É um time que merece todo o respeito pela sua trajetória, pela sua torcida, pela sua cidade que apoia, e pela sua tragédia, mas o respeito, hoje, tem que vestir o manto da vitória.

Não ganhamos da Chapecoense em campeonatos brasileiros, mas também ficamos muitos anos sem ganhar do Santos na Vila. Olhar para trás, nesse momento, não significa projetar o futuro, mas unicamente ter uma referência do quão difícil será o jogo, e o quanto a superação do esforço deverá entrar em campo.

Notícias apontam que Dourado não joga. Nosso capitão tem sido o ponto de apoio do time, o jogador que está entre os cinco da defesa e os cinco do meio para frente. Jogamos mal quando não esteve; na verdade, contra o América, ele não era o único desfalque, e a mudança no esquema de jogo deve receber um boa parte da culpa por aquela derrota. Odair, em vez de substituir Dourado, mudou o posicionamento de todo o meio, e o time demorou muito para se achar em campo. Vamos lembrar que, depois de se encontrar,  até foi bem.

Parece que o erro não será repetido, e Odair vai optar por um substituto do Dourado, seja ele quem for, mesmo que alterando outras posições. Já defendi que, no greNAL, jogamos com 3 reservas, e hoje teremos possivelmente menos que isso.

Também pelo retorno de Damião, outro que provavelmente inicie a partida, retomando a titularidade até que Guerrero esteja liberado.

Não sei se Damião é melhor que J. Alvez, acho que nosso uruguaio louco não é jogador para reter bola na frente, mas o esquema de Odair é esse, e Damião se enquadra melhor no trabalho de segurar zagueiros e atrapalhá-los do que fez até o momento J. Alvez, mesmo que, com a bola, ambos estejam deixando a desejar.

O fato é que hoje é dia de ser diferente dos anos anteriores, seja com quem for a campo, hoje é dia de vencer, embolsar mais 3 pontos, se isolar na liderança e fazer com que os perseguidores suem um pouco mais para chegar perto, como diz um de nossos cânticos,” vaaamo Inter, hoje temos que vencer”.

Author: Mauro loch

Share This Post On