OS ERROS DE MANO | BLOG VERMELHO : Sport Club Internacional

OS ERROS DE MANO

4.5
(16)

Não há dúvidas de que os resultados de Mano são melhores que os resultados do Medina, mas Mano tem cometido erros além do esperado, principalmente em partidas importantes.

Empatar com São Paulo e perder para o Palmeiras são resultados normais, como seriam vitórias nos dois confrontos, ainda mais pelo equilíbrio dos jogos e placar bem ajustado (linguagem absurda do VAR). Todos sabem que defendo os jogos de seis pontos, aqueles em que é obrigatório fazer seis pontos nos dois confrontos, de modo que o resultado dos jogos “grandes” influencia menos. E é fato que, nos jogos de seis pontos deste ano, o Inter ficou devendo muito, por isso a posição é pior do que deveria.

Voltando ao título do post, Mano errou de novo na montagem do time e estratégia contra o Palmeiras. Já tinha errado bisonhamente contra o São Paulo, mais ainda nas substituições, e ontem repetiu os erros.

O Palmeiras tem um zagueiro artilheiro, e Mano optou por deixá-lo sem ter quem marcar. Foi o que o Corinthians fez contra o Inter aqui, no primeiro tempo, e foi o melhor primeiro tempo de Mano até agora. Com a correção no segundo tempo, Corinthians cresceu e Mano não soube o que  fazer.

Ontem, o Palmeiras, que normalmente joga com dois velocistas, Rony e Dudu, veio com apenas um. O português que não é burro, viu qual o lado mais lento, e colocou Dudu ali. Mercado tem se mostrado um bom zagueiro (embora seja urgente termos um zagueiro canhoto), mas não é lateral para acompanhar um atacante rápido, contra um time que joga pelas pontas.

Claro que afundar PH e Wanderson bloquearia os laterais, mas liberou o meio, e foi onde o Palmeiras dominou o primeiro tempo, até porque ali estão os talentos, além de Dudu.

Se Mano pudesse escalar quem quisesse onde quisesse, tanto no jogo contra o SP, como ontem, Edenílson seria deslocado para a lateral (nunca PH como foi contra o SP, e Ed de centroavante, o que quase nos custou a derrota). Ed já jogou de lateral, e tem velocidade para anular Dudu, mas deve ser cláusula contratual que Ed só joga do meio para frente, tamanha a imbecilidade de tirar o atacante de velocidade do ataque e colocá-lo na lateral. Se fosse Medina….

Não dá pra desprezar também o erro de Vitão no primeiro gol, coisa de zagueiro jovem, precipitou-se na cobertura de uma bola que só viria para o meio, já que Dudu não tinha espaço. Assim como o erro de Kaique em não fechar o meio no segundo gol, mas esse foi erro coletivo, que inicia com Ed refutando o bote depois de perder a bola, De Pena não acompanhando e Kaíque ficando em linha.

No segundo tempo, Mano retoma a ideia do losango e coloca um centroavante para incomodar a zaga, e o Inter melhora, e muito. Maurício coordenando as jogadas (precisa de sequência sim, mas é o substituto de A Patrick). As jogadas deixam de ser ligadas por Ed e De Pena, e passam por Alemão e Maurício, com PH acelerando. O Inter cresceu até o gol.

Aí Mano vem com David, seu novo erro. PH, além de velocidade, tem entrega. PH erra jogadas, até porque atacante erra jogadas. David erra domínios, essa é uma diferença enorme em jogo ajustado. Sem a bola, não se faz gols, e o outro time tem mais chances de fazer. David não é jogador de receber bolas, e sim de correr atrás da bola, sem ela. Com 1×1, desloca Alemão pro lado e coloca Cardorini, ou vai de Liziero e afunda Ed, como já tinha feito antes.

É óbvio que falar do sofá, depois do jogo, é muito fácil, mas Mano tem experiência e conhecimento para não cometer os erros que tem cometido.

De resto, Tahuan Lara mostrou que perdemos tempo (talvez a questão contratual) em não aproveitá-lo, e se jogar três ou quatro seguidas, não sai mais do time. É guri, tem 18, vai errar, assim como Kaique e Vitão (que merecia o gol no final), mas vai errar menos que os outros.

De Pena dá sinais de cansaço, marca, ataca, dá cobertura, arma, chuta, precisa de companhia do outro lado, mas não tem.

Moledo como centroavante é o grito de Mano por dois atacantes, o  mesmo grito de Medina com Caio Vidal. A direção foi bem rápida na janela para se livrar de algumas tranqueiras, mas precisa ser mais rápida pelos reforços. E já passou da hora de tirar Edenílson do time, mas só sai se sair do clube. Insisto que Faravelli, do Del Valle seria um bom nome, e parece que Mano tinha indicado Petros.

De qualquer forma, um atacante e um zagueiro canhoto são prioridades nas CHEGADAS.

Sobre o VAR, vou insistir que é muita ruindade para ser só ruindade. Anularam gol do Palmeiras por milímetros, compensando os gols anulados do Inter contra SP e Botafogo, ambos bem duvidosos. Necessidade de as linhas serem mais grossas, porque o ajuste do frame entra na ruindade que não pode ser só ruindade.

How useful was this post?

Click on a star to rate it!

As you found this post useful...

Follow us on social media!

Author: Mauro loch

Share This Post On