Dia de jogo: Inter x Flamengo | BLOG VERMELHO : Sport Club Internacional

Dia de jogo: Inter x Flamengo

Existem dois times que apesar de sua rica história eu simplesmente abomino e sempre torço contra: Corinthians e Flamengo. É um sentimento de repulsa, ao contrário do sentimento de rivalidade que sinto em relação ao coirmão.

Muito se explica pela maneira quase que forçada com que os “supostos times de massa” são tratados pela imprensa e pela mídia: com supervalorização, superexposição, quase “empurrados goela abaixo”.

Basta dizer que no dia seguinte ao confronto Cruzeiro x Inter pela semifinal da Copa do Brasil, muitos programas do eixo passaram boa parte do horário debatendo e repercutindo um insosso Corinthians x Goias, que sinceramente, convenhamos, não tem explicação. Situações similares não faltam e todos sabem como a banda toca.

Percebo um clima de otimismo pelo lado rubro-negro, fruto das 2 últimas goleadas mas sobretudo do popular sentimento do “cheirinho”, que tanto combina com o Flamengo: um clube egocêntrico e narcisista, o que pode ser uma interessante vulnerabilidade a qual podemos capitalizar.

Se anuncia que o Flamengo perdeu Gabigol e há suspeitas que pode ser um “migué” dado o contexto; se a ausência do jogador se confirmar, a tendência é o avanço de Bruno Henrique com a entrada de Cuéllar no meio; particularmente preferia enfrentar a formação anterior, onde se especulava apenas Arão como volante na equipe carioca.

Do lado colorado, o tópico de escalação ontem foi uma verdadeira montanha-russa: começou o dia com setoristas reportando que Bruno Silva treinava entre os titulares e terminou o dia com diversos veículos noticiando a grande probabilidade de Edenilson jogar! Literalmente o torcedor colorado foi do inferno ao céu (eu ao menos fui!)

Imagem: Globo Esporte

Se as escalações acima se confirmarem, a tendência do jogo é um Flamengo agressivo e propositivo e um Inter que jamais deve deixar de agredir; a ofensividade carioca é ao mesmo tempo o ponto forte e fraco da equipe, já que cria muitas chances de gol mas também tem severos problemas defensivos, sobretudo as costas dos laterais.

Nesta perspectiva nada me convence que Nico deva ficar no banco; apesar da fase ruim do atacante, acredito que o mesmo apresentou melhora de rendimento nas últimas partidas, mas sobretudo é mais incisivo e fundamentalmente mais veloz que o jogo de cadência e posicional de Rafael Sobis. O uruguaio as costas de Rafinha poderia ser importante válvula de escape, ainda mais que é comum o clube carioca subir com os 2 laterais ao mesmo tempo. Torço, e muito para que Odair dê mais uma chance e que nosso hermano desencante (haveria melhor momento que este?!?!).

Há um temor (do qual compartilho) que dado o investimento e peso político rubro negro mas sobretudo interesses escusos (Globo, Conmebol, etc…) que haja uma arbitragem caseira e tendenciosa! Certamente há um clamor generalizado que o Flamengo volte a vencer a Libertadores e esse é mais um obstáculo que devemos superar, pelo qual a atenção e foco devem ser redobrados e a inteligência deve imperar!

É muito, muito importante que os jogadores colorados não entrem na pilha, tendo o cuidado de não se envolver em lances de interpretação ou criar polêmica, porque há uma boa possibilidade de o pêndulo pesar pro time da casa.

Assim como é muito importante vigiar os chutes de meia distância de Everton Ribeiro, as infiltrações como elemento surpresa de Arão e a criatividade de Arrascaeta; neutralizar estas armas irá requerer atenção redobrada do sistema defensivo que deve ser ajudado por Patrick e Edenilson para conter os ataques pelo lado de campo.

Com a bola cabe não deixar Guerrero isolado e nas oportunidades criadas matar o jogo é a chave do confronto!  O modelo de atuação fora de casa jamais deve ser o do jogo contra o Palmeiras mas sim se espelhar no confronto contra o Cruzeiro.

Jogo grande, de clubes gigantes, com todas as atenções voltadas para o Maracanã (pasmem, até o Galvão vai narrar o jogo) em um confronto que decide um semi-finalista da competição continental!

Se a equipe entrar ligada, atenta aos lampejos de talento dos jogadores cariocas e ciente de suas limitações creio que temos tudo para fazer um ótimo jogo e voltar com um bom resultado para decidir no Beira-Rio onde o Gigante ruge!

Seria lindo jogar um balde de água fria nesse clima de já ganhou e dar mais um passo a glória eterna!

@Davi_Inter_BV

Avatar

Author: Davi

Share This Post On