Intocáveis | BLOG VERMELHO : Sport Club Internacional

Intocáveis

Dale Monstro! Dale! D’Alessandro…

 

Uma vitória é intocável. Não do ponto de vista de que a performace não possa ser analisada e melhorada… Longe disso! Uma vitória é intocável da perspectiva de que ela se encerra em si mesma. Uma vitória é sempre uma conquista, não importando que você esteja jogando em Yokohama ou em Erechim. Quer seja um campeonato que valha um engradado de cerveja, quer seja uma diputa pela taça de campeão mundial,  vencer sempre é bom! Por conta disso, toda vitória é intocável.

Ela não deve ser mexida como não se deve atrapalhar o paladar enquanto este é enebriado pelo doce sabor de um vinho do porto depois de uma refeição agradável na companhia certa. Ninguém pergunta (pelo menos nunca deveria perguntar) como vai ser paga a conta enquanto se espeta a sobremesa com o talher. Tudo tem seu tempo certo para uma vida mais prazerosa.

Uma vitória nunca deve ser diminuida, tampouco deve-se comparar grandezas, como que se com isso quisesse provar que uma vale mais que a outra. Todas valem a mesma coisa pois cada uma tem seu momento e sua realidade.

Uma vitória é intocável, não devendo ser aumentada nem diminuida de importância. Quer seja nossa, quer seja de nossos adversários pois, como a raposa da conhecida história das uvas desdenhadas, pode ter um dia de estar sorvendo o vinho (ou o vinagre) do parreiral.

E o Leandro Damião sabe disso tudo. O menino que veio da várzea, me faz lembrar toda vez que entra em campo daquele jogo – AQUELE jogo lá em 2010, em que começou o dia como nem relacionado a partida e terminou como uma das estrelas da noite na final da Libertadores. Eu estava ao lado da cama quando o Galvão Bueno disse a plenos pulmões “faz garoto!” – e eu me vi virando uma cambalhota no ar e caindo sobre a cama em estâse após ver o chute virar gol.

Nosso atacante grandalhão e desajeitado, atabalhoado até as vezes… vai se virando com os recursos que tem, mostrando vontade de vencer. Era o que faltava ao time. Cada trombada, cada arrancada, em cada tentativa de gol passa a impressão de que os dias serão melhores.

Que assim seja!

 

 

PS: enfiem o Sasha no cú! Não aguento mais geração Selfie pseudo-boleiro… Ou Melhor! Mandem ele treinar domínio de bola/conclusão e troquem o Sasha pela Sasha  #Aprovamos

Leonardo Dicaprio Foundation Saint – Tropez Gala com o vestido maravilhosoo da Le Lis Blanc ❤️

A post shared by Sasha Meneghel Szafir (@sashameneghel) on

Facebook Comments
Cristian

Author: Cristian

Brasileiro! Não desiste nunca…

Share This Post On