I Speak Hate | BLOG VERMELHO : Sport Club Internacional

I Speak Hate

0
(0)

Alguém mentiu para essas gerações mais novas que eles nasceram especiais. Não digo todos, mas é fácil achar uma pessoa de quase vinte anos até aqueles com quase trinta que não podem ser criticados, não pode ser corrigido e muito menos pedir pra que seja feito um pouco a mais sem que nasça um beicinho.

Não confundam isso que eu dizer que não são preciosos, pelo contrário, toda vida é rara. Por isso mesmo, meus caros e caras, ninguém nasce especial, quem é digno de nota faz-se, por esforço e trabalho, um fora de série.

Agora vem o Paulão dizer que a torcida não pode criticar o time? Sério, o Paulão. Nem Gamarra, Nem o Figueroa reclamavam de pedido da torcida. Claro, não pode ir lá e arranhar o carro do cara muito menos constrangê-lo perante quem quer que seja, especialmente seus familiares. Agora, QUALQUER um que jogue no INTER tem de entender: a gente reclama do que quiser, a hora que bem entender.

Se o time estiver ganhando de 2×1 e a gente achar que deve vaiar porque o time deveria era estar ganhando de 4×0? Que se conformem, nós é que pagamos o salário deles. Então vem o gênio e diz: “Ha! Mas somos funcionários do clube”.

Perfeito e correto, logo, quem compra os cacarecos todos do clube, quem paga mensalidade e quem vai aos jogos pra ver atuações pífias e depois ouvir desculpas esfarrapadas? A torcida do grêmio, do Palmeiras ou do Barcerlona? Não! Por mais incrível que pareça, nobres jogadores, é a torcida colorada que consome esse subproduto que vocês se enganam dizendo ser futebol profissional.

Então, trabalhem e não venham com choro ou beicinho. Ninguém nasce especial, independente de ESTAR jogando no Inter. Sim, pois, acho que não preciso lembrar ninguém que o torcedor é que nem cachorro, ou seja, o único que vai estar sempre com o time quer esteja ele ganhando do Barcelona, quer seja ele tome 5 da Chapecoense.

Os senhores jogadores estão no clube porque é um bom emprego por vários fatores, não só por causa de “la plata”. Não critico ninguém por isso. Ainda se fosse a seleção feminina da Suécia de futebol ou dos Estados Unidos eu até poderia me apaixonar por alguém. Já quando se trata do INTER, se não estiver rendendo bem grito um #VAZA sem o menor remorso. Ninguém nasce especial, faz-se especial.

Não venham dizer que são injustiçados. Ninguém vai correr com uma caixa de lenço na mão e levar até vocês caso escorra alguma lágrima enquanto dizem que trabalham no final de semana, que ficam pouco com a família. Fiscais, garçons, policiais, bartender, médicos, e mais uma infinidade de profissionais também trabalham finais de semana e, mesmo assim, não ganham 200, 300 ou 700 mil por mês. Vocês escolheram correr atrás do sonho da bola, conheço uma infinidade de gente que daria um rim para estar no lugar de vocês. Logo, demonstrem um pouco mais de hombridade e aceitem os ossos do ofício. A vaia dói, e é pra isso mesmo, pra ver se vocês tomam jeito, caso contrário, amigo, se quer palminha quando faz cagada veio para o clube errado. Aqui se você erra a gente grita MERDA e não fica dizendo que és guerreiro peleador.

Vou ser justo, é um pouco também da cultura brasileira. Importada talvez das novelas, acham que todo mundo nasce especial e que sempre entrega o que nasceu pra entregar. Que sempre haverá algum salvador iluminado. Gente, fora o cordeiro, não ouvi falar ninguém que tenha nascido de maneira especial. Somos todos animais e muita coisa nos diferencia dos outros, não apenas o polegar opositor nos coloca acima dos demais bichos. Nossa tribo, a humana, é quem manda e faz as regras porque somos guiados por escolhas, assim, por favor, escolham ser melhores.

A operação para prender o Osama Bin Laden foi ensaiada por mais de 30 dias, todos os dias, cada detalhe num cenário que era cópia fiel do esconderijo do barbudo. E, mesmo assim, ainda deu ruim com um helicóptero e mais algumas coisas. Agora, querem acreditar que serão campeões brasileiros com pouco treino e dedicação “padrão”? Sem fazer mais do que vem sendo apresentado teremos mais um ano de resultado medíocre. Senhores jogadores, se ainda pretendem ganhar alguma coisa, dia fácil foi ontem! Transformem tudo em ódio e a ira em trabalho que os resultados surgem. De resto, é variação da mediocridade.

I Speak Hate – Cavalera Conspiracy – Blunt Force Trauma – New 2011 Song

Cavalera Conspiracy owns this material I am just sharing. I Speak Hate – Cavalera Conspiracy – Blunt Force Trauma – New 2011 Song

 

How useful was this post?

Click on a star to rate it!

As you found this post useful...

Follow us on social media!

Author: Cristian

Brasileiro! Não desiste nunca...

Share This Post On