Uncategorized | BLOG VERMELHO : Sport Club Internacional
Reflexão 5 (6)
Sep16

Reflexão 5 (6)

Primeiramente, gostaria de afirmar aqui que estas duas semanas sem Internacional em campo foram rejuvenescedoras. De fato, viver sem ter que se estressar com o futebol pobre Colorado e sem ter que ver um amontoado em campo não é sintoma, mas o tratamento para uma vida menos desgastante. Veja-se que, conforme já dito, não assisto o Inter jogar desde o fim do primeiro tempo contra o Cuiabá; ainda assim, sei dos problemas do time jogo...

Read More
Bobos da Corte 4.4 (7)
Sep09

Bobos da Corte 4.4 (7)

Adianto que concordo com o que escreveste Mauro Loch, no seu último post; e que até seria meu tema de abordagem hoje, não tivesse o feito com propriedade. Aliás, nada mais que complementação ao que já venho falando, acerca da ilusória ideia de crescimento do time que, em verdade, novamente fora estancada após uma brevíssima euforia. No Internacional, todavia, tudo parece uma ilusão de 10 segundos. Aliás, falar disso me lembra Falcão,...

Read More
Caindo na real 4.2 (24)
Sep02

Caindo na real 4.2 (24)

Análises táticas e técnicas sobre o último jogo foram importantes ao menos para este que vos escreve que, há mais de um mês, nega-se a assistir os jogos do Sport Club Internacional; limito-me a acompanhar, depois, o replay da madrugada, coisa, aliás, que sequer fiz neste último, afinal, jogo com placar em branco dificilmente apresenta algo de útil que se possa aproveitar para o próximo jogo. Tanto por isso, a leitura me foi útil para...

Read More
Janela 4.3 (15)
Aug26

Janela 4.3 (15)

Ao que tudo indica, não faremos nenhuma contratação para reforçar o grupo nesta janela do exterior que está prestes a fechar. Falo, obviamente, de uma contratação inconteste, de jogador que chega e já vira titular independente de quem vai pro banco. Se por um lado entendo a política de austeridade, não à toa nossos problemas financeiros evidentes são realidade dadas as contratações temerárias e injustificadas de jogadores de segunda...

Read More
Tempos de bigorna 5 (11)
Aug18

Tempos de bigorna 5 (11)

Meu pai é natural de Cazuza Ferreira, o maior distrito de São Francisco de Paula, hoje resumido a um bucólico povoado de casas de arquitetura italiana do início do século passado; mas já foi pujante. No seu auge, entre outros, detinha uma ferraria para cavalos, estabelecimento que ainda resistiu ao tempo dada a dedicação do seu proprietário. Cuida-se que eu ainda vi o processo ser realizado, ao vivo e já no século atual, com bigorna e...

Read More
Traçado de linha 4.7 (15)
Aug12

Traçado de linha 4.7 (15)

Fui goleiro no auge da minha juventude; não com grande sucesso no futebol de campo mas com relativo destaque no futsal. Depois, sucessivas lesões de joelho me afastaram em definitivo de competições de qualquer gênero. Quando parti para as peladas de fim de semana, pulando o portão para jogar na quadra já coberta da minha velha escola em São Francisco de Paula, passei a me apresentar como um centroavante, jogador agudo; se me faltava...

Read More