Uncategorized | BLOG VERMELHO : Sport Club Internacional
OS DE CORAGEM 4.8 (26)
Jun30

OS DE CORAGEM 4.8 (26)

Certa feita eu estava num fandango em algum lugar desse Rio Grande quando avistei meu primo, o Armando, também por lá. Ao rigor da lei nunca fomos primos, mas sim nossos avós ou ainda mais longe, contudo, nós nos tratávamos como parentes. Os laços acabam se reforçando quando estamos longe da nossa querência e da nossa gente. O mínimo sinal de parentesco dentre nós, tão longe de casa, já bastava para assegurar a relação familiar. Era o...

Read More
NÓS OU ELES 4.8 (36)
Jun23

NÓS OU ELES 4.8 (36)

A máxima de que “recordar é viver” pode até ser muito bonito para romantizar a nostalgia ou conferir paixão ao saudosismo, mas, a bem da verdade é que pra quem fica velho muitas vezes parece mesmo é com uma prisão, ainda que de fato eu não conheça uma literalmente. No campo abstrato da coisa, contudo, passamos a enxergar pouco o futuro e, com isso, nos abraçamos no passado tentando ver alguma semelhança com o presente. E assim tal...

Read More
ANOS DOURADOS 4.8 (28)
Jun16

ANOS DOURADOS 4.8 (28)

Como nenhum outro Colunista aqui deste Blog Vermelho deve beber como eu, ninguém ousaria fazer um texto de despedida para o Rodrigo Dourado. Mas eu, neste momento, madrugada do dia 16 de junho – aniversário do guri mais velho aquele – tendo a garrafa de Ballantines como parceira (achei perdida por aqui), comemorando ou não o time dentro de campo (gosto de textos atemporais), o farei pois reconheço que já não mais me guarneço do juízo...

Read More
SENTIMENTO 4.9 (27)
Jun09

SENTIMENTO 4.9 (27)

Meados da década de 1990, apesar daquela draga que era o time do Internacional, acabei por me engajar novamente com as coisas do Colorado já que meu guri mais velho conseguia ser fanático torcedor mesmo naquele tempo. Quase nada de perspectiva. Muito pouco de esperança. Fracassos e mais fracassos. E ele ainda assim se tornara um Colorado de fé. Só que ali, vendo ele com aquele credo todo em torno de dirigentes de quinta categoria,...

Read More
PUTARIA 4.8 (32)
Jun02

PUTARIA 4.8 (32)

Os últimos e lamentáveis episódios, que mancham severamente a história do Sport Club Internacional acabaram por me fazer ter de mudar a linha de escrita hoje. Nada na minha vida eu consigo fazer com destreza e, tanto por isso, já nem sexo eu tento feito mais. Não raro eu começo o meu escrito a ser publicado neste BV já na segunda-feira, para tentar chegar inteiro na quinta a tempo da publicação. Desta vez, pensei ainda na...

Read More
INDOLÊNCIA 5 (14)
May26

INDOLÊNCIA 5 (14)

Alguns meses antes de deixar, em definitivo, a repartição em Porto Alegre, chegou por lá o Humberto. Ele não viera para me substituir, mas talvez tenha o feito (ou tentado) quando saí. Era um sujeito pacato, que tinha estudado cartografia (ou algo assim) na faculdade, não falava muito não por ser tímido, que até não parecia ser: falar não era uma atividade de predileção na sua vida, em suma. Fumava em quantia, todavia. Aliás, fumava...

Read More