Archives | BLOG VERMELHO : Sport Club Internacional
IMPOTENTE 0 (0)
May12

IMPOTENTE 0 (0)

Sim estou desaparecido mas vivo. Meu sumiço é apenas por desgaste futebolistico causado pelo futebol do Inter desde o meio de 2010 pra cá. Como uma faca sendo inserido na barriga aos poucos. Mas tenho assistido os jogos….e essa faca continua nos assassinando. Quero gostar do elenco. Individualmente o elenco parece ter se livrado da maioria dos merdas/sugadores que rondaram o Beira Rio por anos. Mas enquanto parecem ser bons...

Read More
NÃO PODERIA 0 (0)
May12

NÃO PODERIA 0 (0)

  Não poderia dizer que esse é o post do jogo pois não me cabe tal responsabilidade. Não poderia passar sem dizer que sou muito grato ao Bruno pelas referências ao meu nome e dizer que otimismo e pessimismo são os dois lados da mesma moeda. Não poderia por isso mesmo ir adiante sem fazer minhas as sábias palavras do escritor espanhol Ramón de Campoamor y Campoosorio (1817-1901), que diz: “En este mundo traidor, nada es verdad ni...

Read More
Incorrigível 0 (0)
May10

Incorrigível 0 (0)

Inicio revelando que fiquei deveras envaidecido por ter meu nome ventilado na última coluna do Airton Kwitko, sábado, notadamente por lhe julgar um dos expoentes da história do Blog Vermelho, sempre trazendo uma escrita refinada, qualitativa, ainda que por vezes eu possa não concordar relativamente com algum tema proposto. Sem qualquer demagogia, sou um assíduo leitor dos post’s do Airton, onde sempre busco aprender um pouco (ou...

Read More
INSISTO 0 (0)
May07

INSISTO 0 (0)

Perder para o Flamengo no Rio não é para estranhar, como não seria se ganhássemos o jogo. Ainda mais com um gol meio Mandrake na falta e outro de contra-ataque que, posso estar muito exigente, caberia ao nosso goleiro pegar. O que me parece mais importante analisar é perdermos duas chances claras de gol, nos últimos minutos, com um homem a menos, e as duas chances perdidas por um lateral dentro da área. Na verdade, no atual momento do...

Read More
CONTRAPONTO 0 (0)
May05

CONTRAPONTO 0 (0)

  Esse post é uma divergência, saudável por supuesto, do post do Bruno. Lá ele destila otimismo em abundância, aqui só se verte pessimismo às mancheias. Bruno é um prá cima, eu sou prá baixo. Bruno enxerga um enorme clarão no fim do túnel, eu nele ando às cegas por nada ver nas trevas tenebrosas. Bruno é o bom, eu o feio, sujo e malvado. Não há um certo ou um errado: há o que há e o que se quer ver e como ver. Há poucos dias...

Read More